Doenças da coluna: quais as diferenças entre escoliose, cifose e lordose?

Comuns, principalmente, na idade adulta, as doenças da coluna atrapalham bastante as atividades do dia a dia, o que acaba prejudicando a qualidade de vida. Muitas vezes, elas podem estar relacionadas à má postura e ao sedentarismo. No entanto, somente um diagnóstico médico pode determinar a verdadeira causa.

Entre os problemas de coluna mais comuns, destacamos a escoliose, a cifose e a lordose. Você sabe quais são as diferenças entre essas condições? Acompanhe este post e aprenda!

O que é escoliose?

A escoliose é uma das doenças da coluna que mais afeta a população. Ela é caracterizada pela curvatura anormal da coluna vertebral, que ocorre nos três planos espaciais. Dessa forma, é possível dizer que a coluna se torce ao redor do próprio eixo: para frente, para trás e para os lados.

Dependendo do nível de torção, a escoliose é classificada com menor ou maior gravidade, podendo ser divida em três tipos principais:

  • idiopática: comum em adolescentes, pois nessa fase a taxa de crescimento dos ossos é mais rápida. Sua causa não é conhecida;
  • congênita: caracterizada por problemas de formação nas vértebras ou pela fusão de costelas durante o desenvolvimento do feto ou recém-nascido;
  • neuromuscular: geralmente a causa envolve fraqueza muscular ou paralisia em decorrência de doenças.

Qual é o tratamento?

O tratamento depende do tipo da escoliose, localização da curvatura e tamanho da deformação. Atualmente, há três formas de correção: colete, cirurgia e fisioterapia. Além disso, as atividades físicas regulares também são indicadas para corrigir a postura e deixar os músculos do corpo mais fortes.

O que é cifose?

A cifose, conhecida como hipercifose na Medicina, é uma curvatura presente na coluna vertebral que faz com que a região superior das costas pareça mais arredondada do que o normal. É certo que todos temos um grau de curvatura na coluna vertebral, porém, quando ela tem mais de 45 graus é considerada excessiva.

Em alguns casos, a cifose não causa nenhum problema do que a aparência anormal, entretanto, em algumas pessoas ela pode gerar dores nas costas e cansaço.

Qual é o tratamento?

Grande parte das doenças de coluna é tratada com fisioterapia, assim como é o caso da cifose. O profissional fisioterapeuta ajuda na correção postural e também no fortalecimento muscular da coluna vertebral.

Além disso, indica-se o uso de coletes, principalmente em caso de cifose estrutural. Para isso, há diferentes tipos de coletes e somente o médico poderá selecionar cuidadosamente a opção adequada para cada paciente.

O que é lordose?

A lordose é uma curvatura normal da coluna vertebral, e cresce nas regiões cervical e lombar após o nascimento, sendo importante para distribuir melhor as cargas que incidem sobre a coluna.

No entanto, quando há alterações no grau da curva lordótica é possível que sejam desvios posturais, que podem comprometer a mobilidade da coluna na região afetada. Eles são classificados em dois tipos:

  • hiperlordose: aumento excessivo da curvatura para dentro do corpo;
  • hipolordose: redução dessa curvatura, provocando a retificação da coluna.

Qual é o tratamento?

A lordose tem cura e pode ser tratada de acordo com a gravidade da lesão. Cabe ressaltar que não são todos os casos que precisam de cuidados, apenas quando a curvatura é rígida. No geral, o tratamento pode incluir medicação, exercícios, fisioterapia, uso de cinta e cirurgia.

As doenças de coluna, apesar de comuns, nem sempre apresentam sintomas nos estágios iniciais. Quando o paciente percebe, pode ser que o problema já esteja avançado, exigindo cuidados e tratamento rigorosos. Por essa razão, fazer exames de rotina é essencial para a prevenção.

E você? Gostou de saber quais são as diferenças das principais doenças da coluna? Então, conheça o nosso aplicativo FisioClub e conheça mais dicas de bem-estar e saúde e diversos exercícios físicos!