(ESTENDER +500) Dor nas costas na gravidez? 8 cuidados especiais para futuras mamães

A gestação é, sem dúvidas, um momento extremamente especial. No entanto, em meio a tantos sentimentos bons que caracterizam o período, há um fator que costuma reduzir a qualidade de vida das futuras mamães: a famosa dor nas costas na gravidez.

Embora sentir esse tipo de incômodo na região enquanto se está grávida seja considerado algo comum, existem algumas estratégias para aliviar o desconforto e tornar a rotina mais leve e feliz, que é como deve ser. Que tal descobrir quais são elas? Continue a leitura e confira!

Entenda por que a coluna dói durante a gestação

Ao longo da gravidez o corpo da mulher sofre diversas modificações, as quais levam ao surgimento não só da dor nas costas, mas também de outros incômodos. No caso da coluna, por exemplo, uma das causas é a frouxidão dos ligamentos musculares — inclusive da coluna e da bacia — provocada por alguns hormônios.

Além desse fator há também o crescimento do útero e do próprio feto, aspectos que acabam aumentando o peso da mulher na região abdominal e que exige muito esforço das costas para que a gestante se mantenha em pé.

Quando tudo isso se alia à alteração da postura ocorre um desequilíbrio no corpo, o qual também sofre com a perda do tônus abdominal devido a distensões. Geralmente, a dor nas costas costuma se intensificar nos últimos meses da gravidez, sendo comum uma piora próximo ao dia do nascimento.

Conheça os principais tipos de dor

Embora intitulada simplesmente como “dor nas costas na gravidez”, a verdade é que existem diferentes tipos desse sintoma. A boa notícia, todavia, é que nenhum deles afeta a saúde do bebê.

Lombar

Tendo como causa as alterações no centro de gravidade e na postura, a dor lombar surge junto com uma curvatura da coluna chamada de hiperlordose. Nessa condição, os músculos do local precisam fazer mais força e geram tensão, o que, com o tempo, leva ao desenvolvimento das dores.

Ciática

É uma dor causada por inflamação ou pressão que atinge a base das costas e não tem relação com a pressão causada pelo bebê. Em alguns casos, o mau funcionamento do nervo ciático provoca a sensação de formigamento ou fraqueza, sendo que a dor pode se espalhar pela parte de trás da perna.

Pélvica

Considerada o tipo de dor mais comum na gravidez, a dor pélvica também surge como própria consequência da gestação e, por isso, deve ser tratada de forma diferente. Isto é, se o tratamento for semelhante ao indicado para dores “tradicionais”, há o risco de agravamento de problemas no plexo pélvico.

Contrações

Embora incomuns, há casos em que as contrações de um trabalho de parto prematuro se manifestam como dor nas costas. Por isso, fique atenta quanto a esse sinal a partir do segundo ou terceiro trimestre e procure seu médico caso desconfie que o parto está próximo.

Saiba como cuidar da coluna e garantir mais conforto

Felizmente, há muitas práticas que podem auxiliar a mulher ao longo da gestação a fim de reduzir o desconforto causado pelas dores nas costas. Conheça 8 delas:

1. Busque apoio fisioterápico

O tratamento fisioterápico para gestantes é composto por exercícios respiratórios para relaxamento, atividades que estimulam a flexibilidade, o alongamento, que fazem uma correção postural e muitos outros. Além de diminuir a incidência de dores lombares, a fisioterapia também oferece outros benefícios, como a redução de câimbras e inchaço, muito comuns durante uma gestação.

2. Faça alongamentos

Simples e fáceis de serem feitos, os alongamentos devem ser realizados no início e no fim do dia. O objetivo dessa prática é descomprimir a coluna, o que alivia as dores. Para isso, deite-se em uma superfície, pode ser em um colchão ou colchonete, dobre as pernas apoiando a região lombar no chão e estique os braços ao lado do corpo. Levante uma perna de cada vez, segurando-a por trás da coxa pelo mesmo tempo.

Outra opção de alongamento é em pé. Na posição ereta e com as mãos posicionadas na altura dos seios, curve-se para frente até sentir que a barriga está friccionada. Cada posição deve ser feita por aproximadamente 40 segundos.

3. Pratique exercícios

Alguns tipos específicos de exercícios são muito úteis para ajudar a vencer a dor nas costas na gravidez. Veja alguns a seguir.

Contração do músculo transverso

Localizado ao redor da lombar e do abdômen, exercitar esse músculo reduz a dor instantaneamente. Para isso é preciso contrair a musculatura como se estivesse com vontade de fazer xixi. Faça o movimento 15 vezes e repita a série mais uma ou duas vezes.

Balanço pélvico

Muito bom para fortalecer a musculatura do abdômen, esse exercício previne o desenvolvimento de dor nas costas e ajuda a melhorar a postura. Na posição de 4 apoios, posicione os cotovelos levemente flexionados e mantenha a coluna ereta. Faça contração dos músculos abdominais e movimentos circulares com a pélvis. Fique na posição por 5 segundos e repita-a de 10 a 20 vezes.

Para ajudar nos exercícios diariamente você pode contar com aplicativos para o seu smartphone, como o FISIOClub. Faça o download agora mesmo!

4. Invista nas massagens

Geralmente, isso ajuda a reduzir a dor e a pressão nos músculos, além de contribuir para a diminuição de inchaços. As massagens podem ser feitas utilizando óleo de amêndoas ou creme hidratante — o que ajuda a prevenir estrias — por um fisioterapeuta, pelo seu parceiro ou por qualquer outra pessoa que possa ajudar. Portanto, nunca dispense esse tipo de mãozinha!

5. Utilize uma cinta apropriada

Muito útil para aliviar a dor nas costas, a cinta de sustentação ajuda a distribuir o peso da barriga, o que reduz a sobrecarga dos músculos. Converse com o seu médico a fim de encontrar o melhor modelo para o seu caso.

6. Faça compressas de água quente

Como o calor reduz a sensação de dor devido ao relaxamento da musculatura, compressas de água quente caem muito bem para amenizar desconfortos nas costas. Além disso, desfrute também dos benefícios de um banho morno, permitindo que a água caia em cima do local da dor — porém, cuidado com temperaturas excessivamente altas para não danificar a sua pele!

7. Use travesseiros

Experimente dormir na lateral e com um travesseiro embaixo da barriga. Uma alternativa pode ser colocar um travesseiro no meio das pernas para alinhar a postura. Nas lojas você pode encontrar um travesseiro especial para grávidas, chamado “minhocão”, que se acomoda em todo o corpo.

8. Compre sapatos confortáveis

Os sapatos usados durante a gestação têm total interferência sobre o surgimento de dores e incômodos durante o período. Por isso, evite usar saltos muito altos, que exigem equilíbrio e modificações na postura. As rasteirinhas também não são recomendadas, visto que sobrecarregam os calcanhares. As melhores opções são aquelas com uma leve inclinação no salto de no máximo 3 centímetros e que deixam os pés bem-presos e confortáveis.

A dor nas costas na gravidez costuma afetar a rotina de muitas mulheres, além de reduzir consideravelmente a qualidade de vida delas. Como vimos, tal condição é considerada parte da gestação, visto que a maioria das grávidas lida com ela em algum momento. No entanto, com essas dicas, as futuras mamães poderão ter mais segurança, saúde e conforto enquanto aguardam a chegada do novo membro da família!

E aí, gostou das nossas dicas? Conhece outras mulheres que estão na mesma situação? Então compartilhe este post nas redes sociais para que todas as suas amigas descubram como amenizar as dores nas costas durante a gravidez!